[ editar artigo]

O novo essencial

O novo essencial

O novo essencial. Mais do que falar sobre o “novo normal” que - apesar de ser o nome aqui da plataforma - é uma denominação que me causa certo incômodo. Eu queria trazer algumas divagações sobre o “novo essencial”.

Desde que começou a pandemia e entramos em quarentena vimos a corrida das pessoas para garantir o que passou a ser essencial: papel higiênico (?), comida, água, álcool gel e artigos de limpeza. No comércio fechado, só as lojas que vendem produtos classificados como essenciais puderam ficar abertas. Nas favelas e comunidades mais desfavorecidas econômicas e socialmente, o essencial para sobreviver do vírus não se tem: água encanada e sabão (e isso é só uma pequena parcela de tantas outras coisas essenciais que as desigualdades privam essas pessoas).

Em meio a tantas coisas consideradas como essenciais que a COVID-19 trouxe para a pauta, queria trazer uma em especial para a reflexão: o respirAR.

  • Um dos sintomas do novo coronavírus é o sufocamento e falta de ar, o que algumas pessoas que tiverem a doença descrevem como “se afogar no seco”.
  • Uma das formas de contágio da doença é também através do ar. Usamos máscaras como uma barreira física e como um filtro na hora de respirar, em uma tentativa de nos proteger e proteger o próximo da contaminação pelo vírus.
  • Um dos sinais do mundo paralisado pela pandemia foi a melhora na qualidade do ar em várias capitais do mundo. Sem trânsito, com poucos aviões circulando e tantas fábricas paradas, muitas pessoas puderam respirar melhor.
  • Isoladas em casa, ansiosas ou estressadas, várias pessoas começaram a praticar meditação e exercícios de respiração para conseguir manter a saúde mental.

Por fim, a falta de ar de George Floyd, “I can’t breath”, veio nos lembrar que enquanto não discutirmos o que é essencial não teremos nada de novo no tal “normal”.

@curadoriadeinsights

O Novo Normal
Sarina Sena
Sarina Sena Seguir

Pesquisadora de comportamento, consumo e tendências. @curadoriadeinsights

Ler conteúdo completo
Indicados para você